IRDEB - Instituto de Radiodifusão Educativa da Bahia
TV Rádio Notícias Interatividade

Espetáculo OLORUM volta a cartaz em Novembro no Teatro Xisto Bahia marcando o Mês da Consciência Negra

Na tradição mitológica da cultura Yorubá, Olorum é o deus supremo que orientou seus filhos, os orixás, para a criação do mundo e dos homens. Para desvendar esse e outros mitos da cultura africana, o grupo Narrativas Teatrais e Audiovisuais – Grupo NITA, abre a segunda temporada de “Olorum”, primeiro trabalho em artes cênicas do grupo. O espetáculo volta ao palco do Teatro Xisto Bahia (Barris), de 03 a 25 de Novembro, aos e sábados e domingos, sempre às 16 horas. O ingresso custa R$ 5 (meia).

De forma lúdica, o universo afro-brasileiro será apresentado ao público infanto-juvenil, a partir da interpretação dos atores Evaldo Maurício (filme Capitães da Areia) que entra no lugar Leandro Villa, Karol Senna (Cinderela Black Power / Idas e Vidas) que entra no lugar de Jussara Mathias, Marinho Gonçalves (Alugo Minha Língua/ O Sumiço da Santa),  e Mariana Freire (Casa Numero Nada/ O Homem que Não Dormia) para os deuses Olorum, Oxalá, Exu, Oduduwa, Iku e Iansã. Na trama, Olorum decide criar o universo, confiando a missão a Oxalá, que por fim acaba precisando da participação de todas as entidades. A coreografia foi criada pelo Denys Silva que conta ainda no palco com também bailarinos Claudionor Neto e Beatriz Costa. O espetáculo conta ainda com participação especial de Gideon Rosa que faz a voz de Olorum.

Dirigida por Elisa Mendes (Ópera Carmem / Joana D’ Arc), com texto de Gildon Oliveira (Alfazema e Suor), através de diálogos, coreografias, instrumentos musicais, sonoplastia, adereços e elementos cênicos, além da mensagem de respeito, humildade, determinação e redenção,  pretende ampliar o significado da cultura africana e fazer com que os jovens construam sua própria reflexão e vivência a partir de outra visão sobre o estopim do mundo.

“Existe uma carência de espetáculos com esta temática. É preciso reparar a lacuna que existe sobre o papel do afrodescendente em todo o cenário nacional. O Grupo NITA pretende construir um repertório de lendas africanas através de narrativas teatrais e audiovisuais”, afirma a diretora Elisa Mendes.

No mês da Consciência Negra o NITA pretende, através de Olorum, trazer a cena um espetáculo temático, necessário, leve e emocionante.

SERVIÇO:
Olorum
QUANDO: de 03 a 25 de Novembro de 2012, Sábados e domingos.
ONDE: Teatro  Xisto Bahia (Barris), ao lado da Biblioteca Central.
QUANTO: R$ 5 (meia)
HORA: 16H

 

 

Tags: , ,

Deixe um comentário

 
Governo da Bahia  ©2021 | IRDEB - Instituto de Radiodifusão Educativa da Bahia. Secretaria da Educação do Estado da Bahia.