IRDEB - Instituto de Radiodifusão Educativa da Bahia
TV Rádio Notícias Interatividade

As raízes do Brasil por César Romero

César3

César Romero se considera um artista amadurecido. Não só por completar 40 anos no ramo da pintura, mas por atingir o estilo de trabalho que considera mais sóbrio. Laureado pelos colegas artistas plásticos Luis Claúdio Campos e José Henrique Barreto como mestre colorista, um dos mais importantes do Brasil, Cesar realiza um intenso trabalho de pesquisa para mesclar cores e símbolos da cultura regional brasileira.

O que isso quer dizer: para os artistas, o ponto máximo do trabalho de Romero é o tratamento dado a cor. “Ele trabalha com a cor como pouca gente trabalha. É uma marca importante da obra de César. Ele consegue trabalhar com diversas nuances, cores diferentes, que as vezes passa desapercebido pela gente na natureza”, comenta José Henrique Barreto.

Cesar1Romero percebe, no seu trabalho, uma cor forte, intensa, marcadamente tropical. “Essa é a cor da Bahia, o azul do Nordeste, do mar”, diz o artista. Entretanto, não só a cor recebe força nas obras de Ceśar Romero, senão a aplicação destas cores a uma releitura de símbolos da cultura afro-brasileira. Sobre esta simbologia, César diz não abrir mão: “eu sou um pintor, um artista visual que sempre se preocupou com o Brasil em forma, linha e cor. Eu acho que nós precisamos criar uma arte brasileira, do nosso povo, da nossa gente”, diz. Por isso, intitula a exposição Bramantes, um chamado para que nos tornemos mais apaixonados por estes símbolos culturais.

Ao analisar sua obra, nestes 40 anos, César Romero percebe que passou de uma cor mais solar para uma mais lunar, mudança pela qual o artista atribui ao amadurecimento. No bonde das comemorações, inaugura um discreto encontro com o tridimensional, através de esculturas (60 símbolos cortados em madeira, 10 tótens e 2 portas em homenagem a Auguste Rodin, brincando com a Porta do Inferno). “Eu não vendo alma, eu não uqero estar na moda para agradar críticos, marchands, mercado. Eu quero fazer a minha arte, que ela seja endógena, que ela tenha meu DNA”, finaliza.

SERVIÇO

O QUE: EXPOSIÇÃO “BRamante” do ARTISTA PLÁSTICO CÉSAR ROMERO
ONDE : Salão de Arte Comteporânea, Palacete das Artes Rodin BAhia
Rua da Graça, 284
QUANDO: De 05 de novembro a 05 de dezembro de 2010
Acesso gratuito

Deixe um comentário

 
Governo da Bahia  ©2014 | IRDEB - Instituto de Radiodifusão Educativa da Bahia. SECOM - Secretaria de Comunicação Social