IRDEB - Instituto de Radiodifusão Educativa da Bahia
TV Rádio Notícias Interatividade

Histórico de janeiro de 2011

jan
28

Agenda Soterópolis

Postado por soteropolis
MÓVEIS COLONIAIS DE ACAJU
moveis-coloniais
 O projeto música no parque apresenta Móveis Colonias de Acaju. A banda surgiu em 1998, em Brasília e já se apresentou algumas vezes em Salvador. Com uma formação diferente: Gaita, trompete, escaleta, flauta, além de guitarra, baixo e bateria, os shows da banda costumam ser bem divertids. Vale a pena ir assistir a banda, neste domingo! 

MÓVEIS COLONIAIS DE ACAJU
PARQUE DA CIDADE
30/01 – DOMINGO – 11HRS
GRATUITO

 

SCAMBO E BAILINHO DE QUINTA

1124818403_f

As bandas Scambo e Bailinho de Quinta se apresentam no dia 2 de fevereiro, no Tarrafa Botequim, Rio Vermelho para agitar as comemorações da festa de Iemanjá!

SCAMBO E BAILINHO DE QUINTA
TARRAFA BOTEQUIM GALERIA
02/02 – QUARTA-FEIRA – A PARTIR DE 13H
R$50
PRIMEIRAS 200 PESSOAS GANHAM CAMISA DA FESTA DE BRINDE

OTTO E CONVIDADOS – BLOCO ME BEIJA QUE EU SOU CINEASTA

  Otto                                                                                                     

Outra atração é o bloco “Me Beija Que Sou Cineasta”. Com o cantor Otto no espaço Casa da Mãe, no Rio Vermelho, a partir das 11 da manhã com direito a feijoada! “O bloco surgiu com uma missão simples, reunir os amigos e fazer uma Festa, nestes 06 anos de bloco tem sido assim.”

OTTO
ESPAÇO CULTURAL CASA DA MÃE
02/02 – QUARTA FEIRA – A PARTIR DAS 11H
R$50 – DIREITO A FEIJOADA, DUAS CERVEJAS EM LATA E PICOLÉ CAPELINHA
RESERVAS: 3017-9041

 

O CONCERTO
CIRCUITO SALA DE ARTE                                                                                             

                         

De Radu Mihaileanu. FRA/ITA/ROM/BEL/RUS,10. 2:10. Livre. Com Melanie Laurent. Andrei Filipov era maestro da orquestra de Bolshoi, mas perdeu o posto e passou a prestar serviço de limpeza. Em uma das noites de trabalho, limpando a sala do chefe polonês, Andrei intercepta um fax convidando a orquestra Bolshoi para tocar no Teatro du Châtelet, em Paris. A partir de então, ele tem uma ideia com ares de vingança sem pensar nas consequências: montar uma orquestra em 15 dias e ir a Paris para uma apresentação passando-se por Orquestra Bolshoi. Do mesmo diretor de Trem da Vida. Vencedor dos prêmios César de melhor trilha sonora e melhor som. 2ª semana.

 

A ÁRVORE
CIRCUITO SALA DE ARTE

                              

De Julie Bertucelli. FRA/AUS,10. 1:40. 14 anos. Com Charlotte Gainsbourg. Em uma pequena aldeia na Austrália, um casal vive com seus quatro filhos. Tudo parecia perfeito até o pai das crianças morrer de maneira trágica e a família O’Neil ficar totalmente devastada. Cada um reage de uma maneira diferente, como a pequena Simone, que não quer guardar luto. Ela prefere  subir na imensa figueira do jardim e passar horas ali, sentindo a presença do pai, enquanto a jovem viúva Dawn busca forças no trabalho e quem sabe em um novo amor. Seleção Oficial Cannes 2010. 2ª semana.

Fernando Pessoa

fernando_pessoa

Direção, adaptação e interpretação: Marcos Machado. Na apresentação, Amadeu Alves toca músicas ao vivo. Gabinete Português de Leitura – Pç. da Piedade, s/n, Centro
(3329-5758 / 3329-2733).
R$ 20 e R$ 10. Qui, às 19h. Até 24 de fevereiro.

 

Quem Conta, Faz-de-Conta!

5342835626_b29a585813_z

O espetáculo mescla música e contação de histórias tradicionais do imaginário infantil da cultura nordestina. Texto, direção e músicas: Heraldo Souza. Teatro Xisto Bahia – Rua General Labatut, 27 – Barris
3117-6155.

Ingressos (inteira): R$ 20. Sáb e dom, às 16h.
De 15 de janeiro a 6 de fevereiro.

 

TEATRO: DOMINGO NO TCA – “AVENTURAS DO MALUCO BELEZA”

4812180521_6774d2e6b9

A décima quinta montagem do Núcleo de Teatro do Teatro Castro Alves (TCA.Núcleo) volta a cartaz pelo projeto Domingo no TCA. Vencedor do Edital de seleção lançado pela Fundação Cultural do Estado, o musical infanto-juvenil transita pelo universo criado pelo cantor e compositor baiano Raul Seixas. A peça foi indicada ao prêmio Braskem. É uma ótima pedida para um programa em família

Dia 6
Horário: 11h

Ingressos (inteira): R$ 1 – compra individual no dia do espetáculo, a partir das 9 horas, com acesso imediato do público.

 

PROJETO VILA VERÃO

O Amostrão se configura como um grande festival com apresentações de espetáculos e oficinas artísticas que tradicionalmente acontece durante o verão, no Teatro Vila Velha. Esse ano foi dividido em seis mostras para melhor atender a diversidade das produções e também conta com um espetáculo convidado. As mostras foram divididas em: mostra universitária, mostra interiorana, mostra do subúrbio, mostra residente, mostra da cidade e mostra infantil.

                       

 

KUARUP – A última viagem de Orlando Villas Bôas

Está em exposição na caixa cultural Salvador Kuarup: “A última viagem de Orlando Villas Bôas”. A mostra aborda a dedicação do sertanista Villas Bôas pels índios brasileiros.

                     

Caixa Cultural Salvador
cultura.ba@caixa.gov.br
Até 30/1, terça a domingo, 9h às 18h
Grátis
Aori Produções
www.caixacultural.com.br
3322-0228/0219/0958

 

70 anos de João Ubaldo Ribeiro

joao_ubaldo_ribeiro2

A ilha de Itaparica está em festa comemorando o aniversário de 70 anos do escritor de “Viva o Povo Brasileiro”, João Ubaldo Ribeiro. Uma exposição bibliográfica do integrante da Academia Brasileira de Letras está aberta a visitação até segunda-feira!

•Biblioteca Juracy Magalhães Júnior
71 3631-1636
23/1, 19h, Exposição bibliográfica: 8/1 a 31/1, 8h às 17h
Grátis
FPC
www.fpc.ba.gov.br

jan
27

Livrarias de Salvador estão se tornando verdadeiros espaços de convivência

Postado por soteropolis

                                               _livraria_cultura1_189465818

 O Soterópolis esteve em algumas livrarias de Salvador que estão se tornando verdadeiros espaços de convivência, onde os clientes podem, além de tomar o tradicional cafezinho, ouvir musica e apreciar gastronomia.DSC09447

A Praia dos Livros no Largo do Porto da Barra nasceu como sebo e realizada atualmente o projeto Praia da Musica. Além do som de diversos DJs o espaço oferece boa comida preparada especialmente pelo jornalista e crítico de cinema Raul Moreira. Mais informações no tel 30150093.

                                                                    013

A Galeria do Livro conta com a estrutura do próprio Espaço Unibanco de Cinema Glauber Rocha que oferece um ótimo café para os clientes. A livraria especializada em arte, fotografia, design, moda, arquitetura e decoração, também possui uma diversificada sessão de Cd´s e DVD`s. Eventos e noites de autógrafos também acontecem no espaço. Mais informações no site www.galeriadolivro.com.br. A Livraria Cultura no Salvador Shopping possui uma mega estrutura, com teatro, café e área de lazer para crianças. Mais informações sobre a programação no site WWW.livrariacultura.com.br.

jan
27

Espaço Xisto Bahia reinaugura sala principal e investe em diversidade na programação

Postado por soteropolis

logomarca-xistoFechada desde abril de 2009, devido a infiltrações e danificação na rede elétrica, a sala principal do Espaço Xisto Bahia foi reaberta em dezembro de 2010. Espetáculos de teatro, dança, shows, esquetes, bate-papos, além de uma homenagem à atriz e dramaturga Haydil Linhares, marcaram a reabertura entre os dias 15 e 19 de dezembro.

Mesmo durante o período em que a sala principal esteve fechada, a movimentação de artistas no Espaço Xisto Bahia, que é mantido pelo Governo do Estado, não parou. Foi incentivado o uso do foyer e das outras dependências. De abril de 2009 até junho de 2010, foram realizadas 604 atividades, que atraíram um público de quase sete mil pessoas. A diretora teatral Hebe Alves, por exemplo, teve oportunidade de ensaiar três espetáculos lá: Matilde, La Cambiadora de Cuerpos, Uma Vez Nada Mais e Dorotéia.

cirandas-e-rodas

A coordenadora do Espaço Xisto Bahia, Kátia Costa, diz que a programação do primeiro semestre de 2011 está praticamente fechada. Ao longo dos últimos quatro anos, a administração buscou diversificar as atrações. O Xisto possui uma sala de espetáculo com capacidade para 192 lugares, uma galeria, um foyer, um café-teatro, uma sala para reuniões, duas salas para ensaios e um acervo que guarda cartazes e textos sobre a produção teatral das últimas décadas.

Inaugurado em 20 de março de 1988, no subsolo do prédio da biblioteca Pública do Estado, nos Barris, o lugar foi batizado inicialmente como Espaço Xis. Depois, adotou o nome Xisto Bahia para homenagear o dramaturgo, compositor, cantor e ator baiano homônimo. Já foi sede do Balé do Teatro Castro Alves (BTCA) e da Escola de Dança da FUNCEB. O local também abrigou o projeto Quarta que Dança e desenvolve ações de dinamização, fomento e acessibilidade aos bens culturais, através de programas da SECULT (Secretaria de Cultura) e FUNCEB (Fundação Cultural do Estado da Bahia) e em parceria com artistas baianos.

Espaço Xisto Bahia
Rua General Labatut, 27, Barris – Salvador – BA)
(71) 3117-6155
espacoxisto.wordpress.com
www.fundacaocultural.ba.gov.br/espacos/xisto.htm

jan
27

Correm Turvas as Águas Do Rio

Postado por soteropolis

02-CORREM-TURVAS-AS-AGUAS-DESTE-RIO

A exposição do artista visual (com formação em arquitetura) José Resende reúne materiais diversos como chumbo, malhas de ferro, feltro, parafina, entre outras coisas, que reunidas e transformadas, ganham significados completamente inusitados ao fim para que foram criadas.

01_CORREM_TURVAS_AS_AGUAS_DESTE_RIOA exposição Correm Turvas as Águas Deste Rio faz parte da primeira edição do programa Quarta Dimensão, em que alguns dos mais importantes artistas visuais do país, como Tunga, Waltercio Caldas e Mario Cravo Neto, artistas que tem a tridimensionalidade contemporânea e expandida como característica comum.

A intenção do programa Quarta Dimensão é provocar a relação entre o trabalho destes artistas e as obras de Auguste Rodin, mestre da escultura moderna, expostas no Casarão do Palacete das Artes Rodin Bahia.

O título da exposição é retirado da obra de um dos mais representativos poetas lusitanos, Luis Vaz de Camões, e uma das principais características da obra de José Resende é justamente a apropriação de materiais comuns e re-significação deste em instalações com uma forte densidade poética e grande potência visual.

No caso de Correm Turvas as Águas Deste Rio, Resende revisita sua própria trajetória, e apesar de não serem obras que foram criadas especialmente para a Sala Contemporânea do Rodin, são instalações que vão ter uma versão únicaneste local. Interessante, não?

pg070

Portanto, não perca:
Correm Turvas as Água Desse Rio | José Resende (Programa Quarta Dimensão)
Onde: Sala Contemporânea do Palacete das Artes Rodin Bahia (Rua da Graça, 284, Graça, Salvador, Bahia)
Quando: Visitação até 27 de fevereiro de 2011 (terça a sexta, das 10 às 18h, fins de semana e feriados, das 13 às 17h).
Gratuito.

jan
27

Série Comparas convida os artistas Valéria Simões, Bel Borba e Sérgio Rabinovitz

Postado por soteropolis

01616ab76f4e06431001

Tem coisa melhor do que reunir amigos em um grande projeto? Pois é, foi isto que fez o editor e escritor Claudius Portugal – editora P55. Chamou três companheiros: a fotógrafa Valéria Simões e os artistas visuais Bel Borba e Sérgio Rabinovitz para empreender três publicações que deram origem à série Comparsas.
A proposta é mesclar texto e imagem. A regra é simples – criação. O papel da imagem não é o de segundo plano, mera ilustração das poesias e textos de Claudius. Cabe a ela dialogar, burlar, inscrever e reescrever o texto, ocupando o seu próprio espaço.
Numerados, com poucas tiragens, 300 no total, os livros são uma ode às artes gráficas, um exemplo de que arte pode e deve estar em todos os lugares.

Serviço:
Série Comparsas (editora P55): Em teu nome – Claudius Portugal e Bel Borba; Fluxo – Claudius Portugal e Sérgio Rabinovitz e Só danço samba – Claudius Portugal e Valéria Simões.

jan
27

ENCRUZILHADA DE MUNDOS VIDEOINSTALAÇÃO MARCONDES DOURADO.

Postado por soteropolis

DSC_4019

Marcondes Dourado é inquieto, embora o seu semblante se revele sempre calmo, expressando delicadeza. A cabeça, todavia, ferve de idéias e provocações. A última aconteceu no Largo Dois de Julho, no coração da cidade.
A videoinstalação Encruzilhada de mundos cruzou a praça entre os dias 18 e 23 de janeiro. Através de um grande telão foram contadas histórias dos antigos moradores do bairro. Flagrantes pessoais cruzados com a própria memória do Largo Dois de Julho, suas reformas e contradições urbanas.

largo2dejulho003O vídeo é resultado de um longo trabalho, mas é também parte de uma relação que transcende à obra. Antigo morador do bairro, Marcondes vivenciou o seu tempo áureo e sua decadência. Localizado no olho do furacão, o Largo é passagem para a cidade alta e para a cidade baixa e reúne um aglomerado de moradores das mais diversas e refinadas espécies. Artistas, prostitutas, trabalhadores, todos ocupam o mesmo espaço. Capturar essa vida pulsante foi o seu propósito.

O olhar documental dialoga com a estética das imagens fragmentadas para dar voz aos excluídos, aos invisíveis, colocar em xeque questões de classe, de gênero. O dia a dia de um bairro que vive entre a tradição e o esquecimento.  É nesta brincadeira de revelar e esconder que Marcondes sustenta a sua obra.

jan
21

Salvador sedia 2ª Convenção Baiana de Malabarismo, Circo e Arte de Rua

Postado por soteropolis

                                                 Clown 1

Entre os dias 13 e 16 de janeiro, Salvador sediou a 2ª Convenção Baiana de malabarismo, Circo e Arte de Rua, com a participação de artistas brasileiros e estrangeiros. Foram dias de agito sob a lona do Circo Picolino, na Orla de Pituaçu, com uma programação diversificada que incluiu espetáculos, oficinas, lançamentos de livros, cortejo e lual. Artista e organizadores conversaram com a equipe do Soterópolis e destacaram a importância da troca de experiências nesses eventos.malabarismo

Convenção de Malabarismo é um evento ainda desconhecido do grande público mas que existe há mais de 30 anos nos Estados Unidos e Europa. Para promover a convenção, os organizadores promoveram uma enquete nas redes sociais com o prêmio de uma inscrição gratuita para quem desse a definição mais criativa para Convenção de Malabarismo no Facebook ou no blog da conveção (www.convencaobaiana.blogspot.com). Venceu o cineasta Araripe Jr. : “Um bando de desequilibrados sustentando a alegria da leveza de ser”. Araripe, admirador das artes circenses, tem na sua filmografia o premiado curta “Mr Abracadabra!”, sobre um velho mágico de rua.

malabares

Na primeira edição, a convenção baiana reuniu cerca de 150 participantes, no Camping Ecologico em Stella Mares no Verão do ano passado, entre 18 e 21 de fevereiro. Idealizada por Dery Lima, fundador da Malabares Mágicos, a Convenção de Malabrismo, Circo e Arte de Rua foi a concretização de um sonho. Tudo começou com os Encontros de Malabares Arte e Cultura nas praças de Salvador, com a troca de experiência entre artistas, e com as viagens para outras convenções e festivais no Brasil e na America latina. Encontros e viagens trouxeram também para o sonho Robson Mol, da Trupeniquim – Cia de Circo, e Laili Flórez, do Grupo Nariz de Cogumelo.

Assista ao vídeo da 1ª Convenção Baiana de Malabarismo, Circo e Arte de Rua

jan
20

Bebel Gilberto estréia a edição 2011 do projeto “Acústico no TCA”

Postado por soteropolis

                                    0816c4b5-458b-44d9-8c63-7a0f23cc82db

No dia 14 de janeiro Bebel Gilberto estreou a edição de 2011 do projeto “Acústico no TCA” com seu trabalho mais recente “All in One”. O show teve como base o cd ‘All in one’ e trouxe músicas como a faixa título, ‘Sun is Shining’ e ‘Canção de Amor’, entre outras.bebel-57cd

No palco, Bebel estava acompanhada pelo guitarrista Pedro Baby, parceiro na musica ‘Dahling’. O próximo show do projeto é de Adriana Calcanhoto e está previsto para o dia 27 de janeiro no palco principal do TCA, a partir das 21h. Os ingressos custam entre R$50 e R$120 .

          

jan
20

Agenda Soterópolis

Postado por soteropolis

SMETAK: O ALQUIMISTA DO SOM
smetak
As “Plásticas Sonoras” – criadas por Walter Smetak (1913-1984) e consideradas obras de arte por críticos e pesquisadores – são apresentadas na sala especialmente dedicada ao trabalho do artista. A mostra de longa-duração Smetak – O Alquimista do Som apresenta as peças restauradas do acervo da família do músico suíço, que viveu na Bahia entre 1937 e 1984 .

Smetak – O Alquimista do Som – Exposição de obras produzidas pelo músico suíço Walter Smetak, que viveu na Bahia entre os anos de 1937 e 1984.
Sala Walter Smetak – Centro Cultural Solar Ferrão
Até 30/1, ter a sex, 10h às 18h; sáb, dom e feriados, 13h às 17h
Grátis
Dimus/ IPAC

GALERIA SOLAR FERRÃO: EXPOSIÇÃO LUZ ESCRITA

phpThumb_generated_thumbnailjpg
Dedicada à arte contemporânea, a Galeria Solar Ferrão proporciona um rico dinamismo, principalmente por construir um diálogo com as outras coleções presentes no local. Também por isso, consolidou-se como um das principais referências de arte e cultura do Pelourinho, com mostras de curta duração que criam uma ponte entre o passado e o presente.
Os artistas Arnaldo Antunes, Fernando Laszlo e Walter Silveira apresentam na Galeria Solar Ferrão a exposição “Luz Escrita”. Juntos, eles assinam obras inéditas, criadas a partir de poemas escritos por Walter e Arnaldo, fotografados por Fernando Laszlo, e transformadas em objetos e instalações pelos três artistas. Todas as obras que os artistas apresentam na exposição exploram as relações entre a palavra escrita e a imagem – e mais especificamente com a luminosidade.

LUZ ESCRITA – Arnaldo Antunes, Walter Silveira e Fernando Laszlo apresentam fotos de experiências com a luz, realizadas por eles próprios e inspiradas em seus poemas.
Galeria Solar Ferrão
71 3116-6467
Até 13/2, terça a sexta, 10h às 18h; sábado, domingo e feriados, 13h às 17h
Grátis
Dimus/ IPAC

JOSEPH BEUYS – A Revolução Somos Nós
1hucleuxaout053

Com 250 obras criadas de 1964 a 1986, entre cartazes, múltiplos e vídeos, a produção representada pela exposição Joseph Beuys – A revolução somos nós – corresponde a um período de intensa atividade política, durante o qual Beuys adere ao partido ambientalista alemão “Os Verdes”, ajuda a criar a Organização pela Democracia Direta por Plebiscito e funda a Universidade Livre Internacional, instituição de ensino livre com sedes espalhadas pela Europa. 

Nesse período, Beuys agrega às exposições e performances, debates e encontros nos quais defende a ideia de escultura social – a transformação da sociedade como obra artística coletiva, para a qual todo homem, como ser criativo, está apto – e a desdobra em slogans como “A revolução somos nós”.

Exposição com 250 obras do artista alemão Joseph Beuys, criadas entre 1964 e 1986. Curadoria de Solange Farkas e Antonio d’Avossa.
Museu de Arte Moderna da Bahia
71 3117-6139/ mam@mam.ba.gov.br
Até 13/2, ter a dom, 13h às 19h; sáb, 13h às 21h
Grátis
MAM-BA

QUEM MATOU MARIA HELENA?

f651f8ca29

Monólogo em três atos conta a história de Mário Augusto, que tenta descobrir quem matou a sua amada. Interpretado pelo grande ator Frank Menezes de “O Indignado” e indicado ao prêmio Braskem de Teatro em 2008.

Teatro Sesc Casa do Comércio
71 3273-8543
13/1 a 28/1, qui e sex, 20h30
40 e 20
Canto Claro Produções Artísticas

PÓLVORA E POESIA FAZ 2ª TEMPORADA EM SALVADOR
espetaculo-polvora-e-poesia-atores-caio-rodrigo-e-talis-castro-foto-maira-lins-divulgacao02

A montagem Pólvora e Poesia, dirigida por Fernando Guerreiro, reestreia em Salvador a partir de 7 de Janeiro no Espaço Cultural Barroquinha. A segunda temporada está agendada até 20 de Fevereiro e as sessões acontecerão às sextas e sábados, às 20h, e aos domingos, às 19h.
Tido como um dos melhores espetáculos teatrais de 2010, Pólvora e Poesia é líder absoluto em indicações ao Prêmio Braskem do ano, sendo mencionado nas seguintes categorias: Melhor Espetáculo, Melhor Direção, Prêmio Especial (pelo cenário de Rodrigo Frota), Melhor Ator (Caio Rodrigo) e Ator Revelação (Talis Castro).

Serviço:
Espetáculo Pólvora e Poesia
Local: Espaço Cultural Barroquinha [Igreja N S da Barroquinha,pça Castro Alves, ao lado do Cinema Unibanco Glauber Rocha]. Informações: (71) 9966-0094]
Datas da 2a temporada: de 7/janeiro a 20/fevereiro de 2010
Horários: sextas e sábados às 20h; domingo às 19h
Ingressos: R$ 20,00 (inteira) e R$ 10,00 (meia), à venda no local

JURANDIR SANTANA – faz temporada no Balthazar Grill
tudook

Destaque da Revista Guitar Player do mês de agosto de 2010, o guitarrista baiano Jurandir Santana vem ganhando cada vez mais espaço no cenário musical brasileiro e internacional. Natural do bairro da liberdade, local marcado pela musicalidade afro-brasileira, Jurandir já tocou com Armandinho, Daniela Mercury, entre outros. Ele ainda acumula as funções de produtor, diretor musical e músico solo além de ser o ganhador do Prêmio Braskem em 2005.

SERVIÇO:

O que: Show de Jurandir Santana
Onde: Balthazar Grill (Av. ACM nº1298, Shopping Cidade, Itaigara)
Quando: 13, 20 e 27/01 às 21h
Informações: (71) 3017-4343

ENSAIOS DO ILÊ AIYÊ
IleAIye

O grupo Aiyê promove concentração musical de forte traço africano, atraindo gente do bairro do Curuzu, turistas e celebridades do Brasil e do mundo. Verdadeiro espetáculo da afirmação de negritude no coração do maior bairro negro de Salvador. Os ensaios são preparativos para o Carnaval 2011!

Quando: 29 de janeiro e 1 de janeiro
Horário: 22h

COM:

ILÊ AIYÊ
BANDA RIO VERMELHO
FILOSOFIA DE QUINTAL

PREÇOS:

PISTA: R$15,00
CAMAROTE R$30,00

GERONIMO:
geronimo_antonio_reis

Gerônimo e Banda Montserrat – Jam Salsa e Yjejá
Escadarias da Igreja do Paço – Ladeira do Paço. Pelourinho. 
Grátis

Gerônimo é um símbolo da resistência cultural baiana, um dos maiores propulsores da música afrobaiana no Brasil e no mundo. Entre os seus grandes sucessos de carreira, destaca-se o mega hit Eu Sou Negão, que ajudou a elevar a autoestima de toda a população afrodescendente de Salvador, tornando real o ideal de liberdade cultural, perante uma sociedade cheia de preconceitos e exclusão social. O cantor e compositor se confunde com a história recente da música na Bahia, e também com a vida pulsante no Pelourinho.

Todas as terças-feiras, às 19:00, na escadaria do Paço!

ESCOLA DE DANÇA DA FUNCEB – Inscreve desde de segunda-feira (10/01) para cursos de férias.
5229499127_7088c38c4d_z

A Escola de Dança da Fundação Cultural do Estado da Bahia (FUNCEB) está com inscrições abertas para o curso Ballet Clássico Avançado, que será ministrado pelo bailarino e professor Soter Xavier.
As aulas têm início no dia 10 deste mês e acontecem de segunda a sexta-feira, sempre às 15h, até o dia 28. As inscrições podem ser realizadas na sede da escola, localizada na Rua da Oração, 1, Pelourinho, ou pelo e-mail secretariacursoslivres@gmail.com.
Destinado a profissionais da dança e professores de balé, o curso vai trabalhar a técnica do balé clássico através de aulas livres, com o objetivo de reciclar os conhecimentos dos participantes. As vagas são limitadas.

Outros cursos oferecidos pela Escola de Dança da FUNCEB:

De 10 a 14 de janeiro:
Dança Moderna com Leonardo Luz – Seg. a Sex. às 16h30
Pilates com Joana Ramos – Seg., Qua. e Sex. às 16h30

De 10 a 28 de janeiro:
Curso de Dança Contemporânea com Paula Manaker (Argentina) – Seg. à Sex. às 14h

Investimento: R$50.
Inscrições: a partir do dia 10 de janeiro na Escola de Dança da FUNCEB (Rua da Oração, nº 1, Terreiro de Jesus – Pelourinho)
Telefones: 3116-6515/6644/6641
Mais informações: secretariacursoslivres@gmail.com


INSTITUTO MAUÁ – Promove Feira Baiana de Artesanato neste fim de semana.
Feira-de-artesanato-no-Jardim-dos-Namorados

Tradicional ponto de comercialização do artesanato produzido no estado, a Feira Baiana de Artesanato retorna ao Jardim dos Namorados neste final de semana (22 e 23), das 16h às 21h. Opção gratuita de lazer para turistas e baianos, a Feira promovida pelo Instituto Mauá reúne 100 barracas com uma amostra da diversidade artística e cultural da Bahia. O visitante encontra peças variadas, passeando pelas mais de 15 tipologias artesanais: cerâmica, cestaria e trançado, renda, bordado, tecelagem, crochê, prataria, couro, vidro, madeira, metal, aproveitamento de material, instrumento musical, lembranças da Bahia, indígena, mineral e afro-baiano.
No espaço gastronômico, 20 barracas fazem a festa de sabores, brindando o paladar com as iguarias típicas da culinária regional, desde pratos incrementados como a feijoada e o sarapatel, aos petiscos de carne do sol, espetinhos, crepes, beijus recheados, pastéis fritos na hora, tortas e bolos. O espaço ainda abriga um palco, onde atrações da cena local se apresentam a partir das 19 horas.

A próxima edição será nos dias 12 e 13 de fevereiro e segue até março, em finais de semana alternados.


ESPETÁCULO “DESCALÇA” ESTREIA EM SALVADOR
4635571020_fc62e38503

No palco, as atrizes Telma Smith e Lorena Campoi
vivem as histórias de 28 mulheres.

Chega à Bahia o espetáculo “Descalça?”, uma divertida montagem sobre o universo feminino com o Grupo Beta de Teatro, do Espírito Santo, sob a direção de Aline Ferraz e Fernando Marques. Em Salvador, nos dias 21 (sexta) e 22 (sábado), no Teatro SESC/SENAC Pelourinho, às 20 horas. No palco, as atrizes Telma Smith e Lorena Campoi narram ou interpretam histórias do universo feminino, tendo como referência a psicanálise, a literatura e relatos pessoais. Durante 40 minutos elas se revezam em nada menos que 28 personagens que refletem diferentes fases das mulheres. Em cena o público encontrará 28 pares de sapatos, e a cada troca, surge uma nova personagem. “Não se nasce mulher: torna-se”. A famosa frase da escritora francesa Simone de Beauvoir não resume este espetáculo, mas serve bem para apontar alguns de seus pontos cruciais.

SERVIÇO:

O Quê: “Descalça?” – Direção: Aline Ferraz e Fernando Marques
Elenco: Telma Smith e Lorena Campoi
Quando/ Onde?
20 de janeiro (quinta-feira)
SESC Feira de Santana/ Teatro CDL, às 19h30 – Feira de Santana
21 (sexta) e 22 (sábado) de janeiro
Teatro SESC/SENAC Pelourinho, às 20 horas- Salvador
ENTRADA FRANCA

jan
20

O erotismo nas aquarelas da artista plástica Ana Verana – Exposição Se for Vontade.

Postado por soteropolis

 Digitalizar0054

O erotismo sempre foi objeto de pesquisa do artista. Seu início data do século XIX com o realismo de Gustave Courbet na obra L’origine du monde (1866), que só veio a público em 1988, mais de um centenário após a sua concepção. Courbet rompeu com a representação idealizada da mulher ao expor de maneira crua o órgão genital feminino.DSC_0188bx

O século XX junto com os primeiro estudos psicanalíticos ajudou a naturalizar este imaginário, que ganhou substância com o texto verbal e as suas revelações sobre o inconsciente. O movimento surrealista foi a vertente artística que mais “fogo” colocou nesta fogueira. “É com o surrealismo que a sexualidade adquire um propício meio de expressão, uma vez que a liberação das censuras e repressões caracteriza-se como possibilidade direta de acesso ao inconsciente”, afirma a pesquisadora Kellyn Batistela.

V_(1)

Se no século XIX era preciso chocar e romper com certas estruturas, hoje a arte explora o erotismo de diversas maneiras – do grotesco à delicadeza tudo é permitido. É o que vem fazendo a artista plástica Ana Verana em suas aquarelas.

A escolha pelos contornos delicados juntamente com as cores em tom pastel se alinham criando personagens eróticos ou em posições carregadas de fetiche. Uma certa semelhança com a personagem principal desperta a imaginação do público. A artista brinca com os desenhos criando uma narrativa linear conforme a seqüência disposta na parede da Galeria RV. Não há mais uma preocupação com a ruptura, afinal nada mais precisa ser rompido. É só deixar que o artista expresse o seu imaginário.

Governo da Bahia  ©2017 | IRDEB - Instituto de Radiodifusão Educativa da Bahia. Secretaria da Educação do Estado da Bahia.