IRDEB - Instituto de Radiodifusão Educativa da Bahia
TV Rádio Notícias Interatividade

Histórico de novembro de 2010

nov
18

Bando de Teatro Olodum comemora 20 anos com a estréia do espetáculo Bença

Postado por soteropolis

Por Arlon Souza

Foto: Jorge Luiz

Foto: Jorge Luiz

No começo, o silêncio. O tempo da pausa. O público, ávido por ação, repousa o olhar num elenco contemplativo. Talvez, se perguntando: “Eles não vão fazer nada?”. Na verdade, já faziam: questionavam o conceito e o ritmo do tempo. Do tempo desenfreado da vida. E nessa suposta não-ação, o Bando de Teatro Olodum investia em diversos elementos do teatro pós-dramático. Nesse caso, a experiência cênica passa a ser o foco do trabalho. Não há nela propriamente a construção de personagens, mas sim questões que identificam essas personagens num contexto social contemporâneo. E o espaço convencional do teatro dá lugar a uma instalação performática, onde o vídeo, a música e os atores criam essa atmosfera. 

Foto: Jorge Luiz

Foto: Jorge Luiz

Em “Bença”, a dramaturgia se fragmenta em depoimentos de personalidades da cultura negra e religiosa da Bahia, no saber popular coletado em terreiros de candomblé e na lúcida fala dos mais velhos, que se potencializam pela liguagem audiovisual, no corpo e na voz dos atores. Vestidos de branco, eles sugerem neutralidade. A musicalidade do espetáculo é contínua, fluida e se compõe pelo jogo verbal e pelo cruzamento de diversas sonoridades. Em tempo real, o grupo captura e projeta imagens, “pulveriza” sons de base eletrônica e percussiva e desenvolvem suas partituras cênicas. Se percebe um ambiente em que o timing da cena não é um sistema completamente fechado, o elenco parece ter autonomia para intervir e se expressar de acordo com códigos pré-estabelecidos, com base no repertório acumulado nos dois anos de pesquisa do projeto “Respeito aos Mais Velhos”, que tem patrocínio do edital de manutenção de grupo cultural da Petrobrás. O que permitiu um intenso laboratório sobre as questões que norteiam o tema.

Valdina Pinto, Makota e educadora religiosa do terreiro Tanuri Junçara, é uma das personalidades do espetáculo. Foto: Jorge Luiz.

Valdina Pinto, Makota e educadora religiosa do terreiro Tanuri Junçara, é uma das personalidades do espetáculo. Foto: Jorge Luiz.

 “Bença” é uma montagem teatral perturbadora, que questiona a tolerância com o indivíduo em estágio de plena maturidade, que fala, se movimenta e pensa num tempo diferente. É algo que desafia o público a refletir sobre o rico arsenal de conhecimentos de pessoas célebres e, ao mesmo tempo, simples.

Abençoado seja aquele que assistir ao Soterópolis nesta quinta-feira, às 22h, e a reprise no domingo, às 18h. Até lá.

 

 

O espetáculo continua em cartaz no Teatro Vila Velha, às sextas, sábados e domingos, 20h, até o dia 28 de novembro. Mais informações pelo telefone (71) 3083-4600.

De 3 a 12 de dezembro, “Bença” fica em cartaz no Teatro Tom Jobim, Rio de Janeiro.
Endereço: Rua Jardim Botânico 1.008, Jardim Botânico
Informações: (21) 2274-7012

nov
18

Agenda Cultural

Postado por soteropolis

SEGUNDAS DA LITERATURA NEGRA

A FUNDAÇÃO PEDRO CALMON, ATRAVÉS DA DIRETORIA DE BIBLIOTECAS PÚBLICAS PROMOVE NO MÊS DE NOVEMBRO, O PROJETO “SEGUNDAS DA LITERATURA NEGRA”. O OBJETIVO É APROXIMAR ESCRITORES E LEITORES PARA A TROCA DE EXPERIÊNCIAS SOBRE A LITERATURA AFRO-BRASILEIRA. OS PRÓXIMOS ENCONTROS SERÃO NA BIBLIOTECA PÚBLICA DO ESTADO DA BAHIA E NA BIBLIOTECA ANÍSIO TEIXEIRA.

SERVIÇO:

SEGUNDAS DA LITERATURA NEGRA

DIA 22 ÀS 14 HORAS COM FERNANDO CONCEIÇÃO – BIBLIOTECA PÚBLICA DO ESTADO DA BAHIA – BARRIS

DIA 29 ÀS 14 HORAS COM MOHAMED BAMBA – BIBLIOTECA ANÍSIO TEIXEIRA – LGO. SÃO BENTO

HISTÓRIAS DE UMA LÁGRIMA FURTIVA DE CORDEL

COM TEXTO E DIREÇÃO DE CRISTIANE BARRETO E VENCEDOR DO PRÊMIO MYRIAM MUNIZ DE TEATRO, O ESPETÁCULO “HISTÓRIAS DE UMA LÁGRIMA FURTIVA DE CORDEL” SE BASEIA E INTERAGE COM A HISTÓRIA DA PERSONAGEM DE CLARISSE LISPECTOR, MACABÉA, DE “A HORA DA ESTRELA”.

A PEÇA ESTÁ EM CARTAZ NO TEATRO SESI RIO VERMELHO AOS SÁBADOS E DOMINGOS ÀS 20H.

SERVIÇO:

HISTÓRIAS DE UMA LÁGRIMA FURTIVA DE CORDEL

TEATRO SESI – RIO VERMELHO

SÁBADOS E DOMINGOS ÀS 20 H

EM CARTAZ ATÉ 19/12

INGRESSOS: 20 REAIS (INTEIRA) E 10 REAIS (MEIA)

GRATUITO PARA INDUSTRIÁRIOS E DEPENDENTES.

Confira toda a Agenda Soterópolis abaixo:

(more…)

nov
18

Hoje é dia de esquina, no Pelô!

Postado por soteropolis

No dia 11 de novembro,  entre as 19h30 e 21h00, as esquinas do Pelourinho, foram tomadas por 8 performances artísticas simultâneas, acompanhadas por ações de conscientização: este é o projeto Hoje É Dia deEsquina no Pelô, uma representação formidável de como é possível fazer uso do espaço público para o convívio saudável e prazeroso dos cidadãos.

pirigulino

Na lista das atrações que participaram do evento, estão diferentes linguagens de arte: o trabalho circense do grupo Malabares & Cia e muita música ao vivo, com Luizinho Assis, Julio Caldas e as bandas Vendo 147, Barlavento, Pirigulino Babilake e o Clube de Patifes de Feira de Santana/Camaçari. As apresentações foram no chão mesmo, sem palco, nas charmosas esquinas do Pelourinho, tudo absolutamente aberto ao público.

barlavento

O projeto Hoje é dia de Esquina no Pelô é uma extensão do Hoje é dia de Esquina ! Para Humanizar a Cidade, que aconteceu na Manoel Dias da Silva em 2009 e que tem como objetivo chamar a população para ver a cidade com outros olhos e motivar a comunidade soteropolitana a refletir a respeito da necessidade de haver uma atitude cidadã.

A intenção da galera que produz o evento, é levar essa ótima proposta até lugares como Itapuã, Cidade Baixa, enfim, espalhar cidadania e arte pelo máximo de esquinas possíveis de Salvador.

nov
18

Salame de Polvo

Postado por soteropolis
Salame de Polvo

Salame de Polvo

É na rua da Galiléia de Cima, número 96, Bairro de Roma na cidade baixa de Salvador que fica a Cantina do Julliu´s. Lá é servida uma iguaria pouco comum, mas de primeira qualidade: é o salame de polvo, também conhecido como carpaccio de polvo.

salaaaame

O polvo é cozido e depois prensado com sal para formar o salame. Depois de congelado ele é fatiado em lâminas bem finas e servido com rúcula também cortada bem fininha, pimenta do reino moída na hora e pimenta de cheir , aquela que não arde. Azeite de oliva por cima, uma porção de torradinhas e pronto.

O bar fica bairro de é bem eclético, frequentado por várias faixas etárias e o salame de polvo é imperdível, tanto pela originalidade como pelo sabor. O Soterópolis recomenda!

Cantina do Julliús

Rua da Galiléia de Cima,96-Bairro Roma

71-34892935

4a.a Domingo 11h às 22 h

nov
16

Programa desta quinta-feira – 18/11

Postado por soteropolis

O programa, que vai ao ar no dia 18/11, está cheio de novidades!

– O espetáculo Bença, que abre uma grande agenda de eventos do “Novembro Negro” no Vila Velha. BENÇA: Para celebrar seus vinte anos de existência, o Bando de Teatro Olodum estreia o espetáculo Bença, com patrocínio da Petrobras, através da Lei Rouanet. Em Salvador, a montagem fica em cartaz de 5 a 28 de novembro, no Teatro Vila Velha, dentro da programação do Festival A Cena Ta Preta!, celebrando o mês de novembro e suas temáticas sobre o negro. Após a temporada em Salvador, Bença segue para o Rio de Janeiro (De 3 a 12/12 no Teatro Tom Jobim, no Jardim Botânico).Tradição e tecnologia integram-se e permitem até que os atores contracenem com “personagens” da vida real trazidos através de suas projeções. E isso graças aos registros em vídeo dos encontros e entrevistas realizados na etapa anterior do projeto. Sexta, sábado e domingos | 20h – R$20 e 10

– Falaremos do filme de grande sucesso Tropa de Elite 2, que dispensa apresentações, relacionando com a violência no cinema.
Além desses grandes assuntos, tem ainda matérias sobre a comemoração de cem anos de Diomedes, a primeira pesssoa a gravar um vídeo aqui na Bahia, a nossa agenda cultural e muito mais. Não percam esta quinta-feira, 22 horas, o nosso programa!

Se vocês, leitores do nosso blog, tiverem qualquer sugestão de matérias, de eventos, ou vocês artistas, produtores, que queiram divulgar seu trabalho, mandem suas ideias para o nosso e-mail: soteropolis@gmail.com.

nov
11

O Balé Teatro Castro Alves encerra trilogia de trabalhos com foco na identidade e autoria do grupo

Postado por soteropolis

O último espetáculo dessa fase da companhia foi “À Flor da Pele”, assinado pelo bailarino e coreógrafo paulistano Ismael Ivo

btca

Toda a essência e vitalidade do Balé Teatro Castro Alves você vê no Soterópolis desta semana. Quinta-feira, às 22h. Reprise no domingo, às 18h.

No dia 24 de novembro, o Balé Teatro Castro Alves apresenta a coreografia “À Quem Possa Interessar”, no Espaço Cultural Alagados, em Salvador.
E nos dias 27 e 28, o grupo leva ao município de Ibirataia, Interior da bahia, a série de trabalhos solos “1 por 1 pra um”. Para mais detalhes, clique aqui.

No dia 24 de novembro, o Balé Teatro Castro Alves apresenta a coreografia “À Quem Possa Interessar”, no Espaço Cultural Alagados, em Salvador.

E nos dias 27 e 28, o grupo leva ao município de Ibirataia, Interior da Bahia, a série de trabalhos solos “1 por 1 pra um”. Para mais detalhes, clique aqui.

nov
11

TVE 25 anos – Artes Visuais

Postado por soteropolis

Entre as linguagens artísticas, as artes visuais talvez seja a que menos encontra espaço nas emissoras comerciais da Bahia. Coube a TVE, a televisão pública da Bahia, ao longo dos seus 25 anos, fazer ampla cobertura da cena baiana de artes visuais, através de reportagens, programas especiais e entrevistas. Os arquivos da emissora testemunham a própria evolução da arte baiana, do pensamento dos nossos primeiros modernos até as ousadas e intrigantes propostas dos artistas contemporâneos.

nov
11

TVE comemora 25 anos de fundação

Postado por soteropolis

A TVE foi ao ar pela primeira vez no dia 09 de novembro de 1985. A cerimônia de inauguração foi gravada e se transformou no primeiro programa exibido pela emissora. Nos primeiros anos, marcaram a programação da TV Educativa programas e séries como Amado Jorge, Afro-memória, TVE Clipes, Quarta no 2. Em 1990, a emissora passou por processo de reconstrução e ampliação.
A equipe do Soterópolis conversou com funcionários que fizeram parte dessa história. Eles lembraram projetos como o Bahia Singular e Plural, a série de maior registro das peculiaridades e tradições baianas. Merece destaque também o Memória em Película, resultado de uma minuciosa pesquisa em arquivos públicos e particulares que resultou na recuperação de filmes feitos por profissionais e amadores com cenas do nosso cotidiano de 1920 a 1970.
Atualmente a grade inclui, além dos telejornais diários, programas semanais como o Soterópolis, Perfil e Opinião, TVE Debate e Tô Sabendo. As festas populares também encontram espaço na nossa programação. Em eventos como Lavagem do Bonfim, Festa de Iemanjá e Carnaval, nossos profissionais lançam olhares cuidadosos sobre os aspectos mais significativos dos festejos.
Na última terça-feira, 09, a TVE Bahia comemorou os 25 anos de fundação, com uma homenagem aos funcionários da casa.

nov
11

Agenda Cultural

Postado por soteropolis

SAMBA DAS MOÇAS

Samba das Moças

Formado apenas por mulheres que tem em comum a paixão pelo samba, maracatu e a embolada, o grupo Samba das Moças leva a musicalidade do Recôncavo Baiano ao Ciranda Café, no Rio Vermelho. O repertório das moças é composto por canções de artistas como Roque Ferreira, Antônio Carlos, Jocafe e Assis Valente, além de músicas autorais.

Serviço:

Samba das Moças
Ciranda Café – Rio Vermelho
Domingo – 12/11 – 21h
R$10

Festival A Cena Tá Preta

Para comemorar o Mês da Consciência Negra e dar mais valor a Cultura Afro, o Bando de Teatro Olodum, em parceria com o Coletivo de Produtores Culturais do Subúrbio, promove o festival A Cena Tá Preta. O evento vai proporcionar a troca de experiências entre grupos de teatro, além de abrir espaço para mostras audiovisuais e teatrais, oficinas e debates ligados à Cultura Afro. O festival vai contar com a presença dos principais grupos de teatro negro da cidade, que vão se apresentar para o público a preços populares no palco principal do Cabaré dos Novos do Teatro Vila Velha. Toda a programação do festival está disponível no site http://www.acenatapreta.com.br/2/.

Serviço:

Festival A Cena Tá Preta
Teatro Vila Velha
Até 28/11

Mostra Retrospectiva Andres Veiel

Dando continuidade a retrospectiva de documentários do cineasta alemão Andres Veiel, o Goethe Institut exibe na próxima terça feira ,16 de novembro, o filme Balagan. A película narra a história de três pessoas que escrevem juntos uma peça de teatro sobre o holocausto. A retrospectiva de documentários de Andres Veiel segue até o dia 07 de dezembro, sempre às terças feiras. Com legendas em português, as exibições tem início às 20h e possuem entrada franca. O site http://www.goethe.de/ins/br/sab/ver/pt6434522v.htm contem toda o cronograma de exibição dos filmes do diretor.

Serviço:

Mostra de documentários Andres Veiel
Cine Teatro do Goethe Institut
Toda terça-feira até 07/12
20h – entrada franca

Decorar – Arte Diferencida em Jornal

A artesã e artista plástica Ruth Ramos é a responsável pela exposição Decorar, Arte Diferenciada em Jornal. As obras são criadas a partir de canudos de jornais enrolados e colados, que depois são envernizados e pintados em formatos diferentes. Dentre os trabalhos estão figuras simbólicas da cultura baiana como personagens de Jorge Amado e Dorival Caymmi, assim como o candomblé, o reisado e a roda de samba. A mostra pode ser vista na Galeria Mestre Abdias, no Instituto Mauá, no Pelourinho, até o dia 18/11.

Serviço:

Expo Decorar – Arte Diferenciada em Jornal
Galeria Mestre Abdias – Instituto Mauá – Pelourinho
Até 18/11- de seg à sex
Entrada franca

Domingo no TCA – Sarau do João

O projeto Domingo no TCA apresenta nesse domingo o Sarau do João, encontro que une música e poesia e que teve início na casa do especialista em sonorização João Américo. Entre os convidados desta edição estão Alexandre Leão, Mário Ulhoa, Cláudia Cunha, Xangai, Grupo Mandaia e Joatan Nascimento, além de outros nomes expressivos da música e da poesia. O encontro vai ser no Palco Principal do Teatro Castro Alves e tem início às 11h, com ingressos a R$1 inteira e R$0,50 meia entrada.

Serviço:

Domingo no TCA – Sarau do João
Palco principal do Teatro Castro Alves
14/11 – 11h
R$1 inteira
R$0,50 meia

Expo Centro Antigo de Salvador – A História do Brasil Vive Aqui

Aqueles que não viram a exposição Centro Antigo de Salvador, a História do Brasil Vive Aqui, tem até o próximo domingo para visitar a mostra que conta a história do centro histórico da cidade. Através de textos, sons e fotografias, os visitantes tem a oportunidade de conhecer a história da região através de uma tecnologia moderna, por meio de televisões que permitem o manuseio do toque com as mãos. A mostra está no Palácio Rio Branco, na Praça Tomé de Souza.

Serviço:

Centro Antigo de Salvador – A História do Brasil Vive Aqui
Palácio Rio Branco
Até domingo – 14/11
Entrada franca

A Suprema Felicidade

O filme A Suprema Felicidade marca a volta de Arnaldo Jabor ao cinema. Oitavo trabalho do diretor, o filme conta a história de vida de um menino, entre os dez e os dezoito anos, que vive no Rio de Janeiro durante as décadas de 50 e 60. Após 24 anos desde sua última produção em cinema, Jabor mostra a cidade maravilhosa nos anos dourados em uma produção quase autobiográfica.

A Suprema Felicidade – de Arnaldo Jabor
Circuito Sala de Arte e Cinema
Espaço Unibanco Cinema Gláuber Rocha

Afrofilisminogravura

A Pequena Militante

A Pequena Militante

A partir de observações da comunidade quilombola do Porto de Trás, localizada em Itacaré, o artista plástico grapiúna Ayam U’brais desenvolveu a exposição Afrofilisminogravura, baseada em uma técnica de desenho criada pelo próprio artista. São ao todo 20 obras inéditas, criadas a partir de uma caneta esferográfica, betume e papel cartão. A exposição fica em cartaz no Centro Cultural Tribo do Porto, em Itacaré, até o dia 15 de novembro, e a visitação é gratuita.

Serviço:

Afrofilisminogravura
Centro Cultural Tribo do Porto – Itacaré
Até 15/11
Entrada Franca

nov
11

A TVE encerra o ano de 2010 com novas parcerias

Postado por soteropolis

O acordo com as televisões universitárias estabelecido no início deste ano, durante a programação do carnaval, ganhou fôlego com a circulação de matérias independentes realizadas pelas instituições estaduais e produtoras independentes no período do São João. Com o findar do ano novas parcerias foram estabelecidas, agora entre as universidades federais, entre elas a federal do Recôncavo e a federal da Bahia.
A TV UFBA, retirada do ar pelo sistema NET, empresa de canal aberto, aposta na relação com a TVE para dar visibilidade à produção de caráter acadêmico. As duas televisões comungam princípios baseados no ideal de uma televisão pública, feita pela sociedade e para a sociedade.
A parceria com a UFBA será aberta com uma série de programas em homenagem ao dia da Consciência Negra, que entra na programação da TVE dentro do Projeto Novembro Negro.
Outra parceria foi firmada com a Secretaria de Ciência e Tecnologia. A proposta é trazer conteúdos das ciências e aproximá-los do grande público.
Adaptado para a linguagem do cotidiano a ciência será desmistificada durante o programa Todo mundo quer saber. Sob o comando do experiente Antônio Pastori, o programa aposta numa linguagem dinâmica e descontraída para falar do desenvolvimento científico na Bahia.

Serviço: Todo mundo quer saber
Sábado, 10h

Governo da Bahia  ©2019 | IRDEB - Instituto de Radiodifusão Educativa da Bahia. Secretaria da Educação do Estado da Bahia.