IRDEB - Instituto de Radiodifusão Educativa da Bahia
TV Rádio Notícias Interatividade

Festa Yemanjá é Black destaca a cultura negra no dia 2 de fevereiro

Yemanjá é Black

Yemanjá é Black será animada por Dão Anderson e Denise Correia. A cantora norte-americana Michaela Harrison e a atriz Luciana Souza fazem participação especial no evento da cultura negra no dia 2 de fevereiro.

O ponto de encontro para celebrar a tradição, cultura e identidade negras no dia 2 de fevereiro está definido. A partir das 13h, no Santa Maria Bar e Restaurante, no Largo de Santana (Largo a Dinha), no Rio Vermelho, com shows de Dão e a Caravana Black e de Denise Correia e a Banda Na Veia da Nêga, a 6ª edição da Yemanjá é Black vai, mais uma vez, se destacar como o evento em sintonia com o simbolismo da aura da homenageada do dia.


O acesso da festa –realizada pelo ator do Bando de Teatro Olodum Jorge Whashington e pela estilista Madá, criadora da Negrif–, é garantido pela camisa adquirida na loja da Negrif (Edifício Bariloche, Rua Carlos Gomes – Dois de Julho, nº616). O ingresso custa R$ 90 (individual) e R$ 160 (casadinha) e inclui a feijoada.Além dos shows, o evento irá contar com as participações da cantora norte-americana Michaela Harrison e intervenção da atriz e diretora Luciana Souza– a Joana de Ó Paí Ó.

Tudo isso com a melhor vista da festa no Rio Vermelho, as imagens das janelas amplas do Santa Maria Bar e Restaurante de onde é possível acompanhar de forma confortável, a movimentação da Colônia de Pescadores Z-1, de onde sai o presente principal para a Rainha do Mar.

Os aspectos da cultura de matriz africana está presente desde a entrada do espaço, onde os convidados serão recepcionados por uma pintura personalizada da divindade que tem o mar como domínio assinada pelo artista plástico Raimundo Santos Bida com 1,90 X 1,30. No acesso principal, os participantes receberão o ticket da feijoada e a pulseira que permitirá livre acesso a todas as áreas do evento. Com ela é possível sair e retornar ao local da festa.

No primeiro andar, irá funcionar o restaurante e longe com mesas e cadeiras para degustação da feijoada e uma área para descanso. Este andar possui banheiros. Os shows ocorrem no segundo andar que também conta bar e banheiros. Os andares do restaurante e do salão principal possuem vista para o mar e são equipados com ventiladores.

Saiba mais sobre os artistas:

Dão
O artista é referência da nova geração da música negra da cidade. Com sua blackmusic contemporânea, faz um show envolvente com uma mescla de ritmos brasileiros e africanos. Dão mescla essas referências e produz uma música com personalidade. Sua trajetória é influenciada por artistas como Tim Maia, Hildon, Cassiano, Jackson do Pandeiro, Jorge Ben, Carlos Dafé entre outros ícones da música black brasileira.

A estreia profissional do artista é marcada pelo EP Ligue o Som e Curta o Brilho (2005) lançando em seguida os álbuns de carreira, Para Embelezar a Noite (2009) e Nobre Balanço (2013), pelo selo Plataforma de Lançamento. O artista tem realizado ações no Brasil, Estados Unidos, Reino Unido e Angola (onde gravou um videoclipe, Eu Vou Além-Mar).

Denise Correia
A black music de Denise Correia e a Banda na Veia Da Nêga traz repertório dançante, canções autorais conhecidas pelo público em shows pela cidade, além do melhor da black music, samba rock, mpb, passando pelo pop até o rock, além dos grandes nomes da MPB.

No entanto, o público pode esperar surpresas. Com presença cênica marcante, Denise iniciou a carreira em festivais escolares na cidade de Alvorada do Sul, onde nasceu, no Paraná. Na capital baiana, chegou em 1988 e não demorou a se integrar ao cenário cultural local com a personalidade da sua voz.

Michalea Harrison
Gêneros como o jazz, blues, R & B, soul, samba, MPB e música africana tradicional integram os componentes da formação da cantora norte-americana de voz marcante que já conquistou público em diversos países.

Dona de estilo próprio, a cantora radicada em Nova Orleans tem trajetória dividida também entre a região leste da África e o Brasil. A voz de Michaela começou a encantar  o público na igreja quando ainda tinha 5 anos de idade.

 

SERVIÇO
O que: Feijoada Yemanjá é Black
Quando: 2 de Fevereiro
Onde: Santa Maria Bar e Restaurante, localizado no Largo de Santana, Rio Vermelho
Quanto: R$ 90 (camisa individual) R$ 160 (casadinha).
Onde comprar: Negrif (Rua Carlos Gomes – Dois de Julho, nº616, Edifício Bariloche, aberta das 10h às 18h)

 

Assessoria de imprensa
Meire Oliveira – DRT 2719
Telefone: 71 99995-5308
meireoliveirafreitas@gmail.com

Tags: , , , , , , ,

Deixe um comentário

 
Governo da Bahia  ©2019 | IRDEB - Instituto de Radiodifusão Educativa da Bahia. Secretaria da Educação do Estado da Bahia.