Programas

O Terno apresenta segundo disco

30 de setembro de 2015
O Terno (1)- Foto - Willy Bondani

Foto: Willy Bondani

No Especial das Seis desta sexta-feira (2), o trio de indie rock paulista O Terno fala sobre o segundo disco, “O Terno”, lançado em 2014. Produzido mediante uma campanha de financiamento coletivo, o álbum traz 12 faixas e reúne uma gama de colaborações que vão de Tom Zé a Marcelo Jeneci e Pedro Pelotas (Cachorro Grande).

Ao contrário do primeiro trabalho, “66”, que saiu em 2012, também de forma independente, o novo CD apresenta uma sonoridade mais madura, com novos timbres e experimentações sonoras. “’66’ é mais cru. É o disco de uma banda numa sala quase sem overdub, soando bem parecido com o ao vivo. Já o segundo é mais experimental, colocamos mais camadas, mais texturas, além de ser totalmente autoral”, explica Tim Bernardes, vocalista da banda.

“O Terno” conta com participações de nomes relevantes no cenário musical, embora as mesmas não apareçam de forma muito explícita. “Na hora em que a gente foi planejar os overdubs, pensamos quem cada música pedia. Marcelo Jeneci tocou hammond em ‘Quando estamos todos dormindo’. Pedro Pelotas também participou de duas músicas tocando hammond. Já o Tom Zé está em ‘Medo do medo’ fazendo umas falas assustadoras”, comenta Tim.

Nesta edição do programa, você ouve músicas como “Bote ao contrário”, “Eu vou ter saudades” e “O Cinza”.

Produção: Guilherme Reis

O Especial das Seis vai ao ar pela 107.5 Educadora FM às 18h e também pode ser ouvido online no site: educadora.ba.gov.br.