Programas

100 anos de Orlando Silva

24 de setembro de 2015
Orlando Silva  - Reprodução

Fofo: reprodução

Considerado um dos maiores cantores brasileiros do século XX, Orlando Silva completaria cem anos de idade no próximo sábado (03). O Especial das Seis desta segunda (28) traz o jornalista Jonas Vieira, autor da biografia “Orlando Silva, 100 anos: O Cantor das Multidões”, para apresentar alguns pontos altos da carreira do artista, falecido em 1978.

Para Jonas, a importância de Orlando para a música popular brasileira pode ser compreendida através da qualidade do repertório e das interpretações, deixando um legado marcante para as gerações futuras. “O Orlando revolucionou o canto popular brasileiro. Ele, inclusive, influenciou cantores como João Gilberto e Nelson Gonçalves”, conta Jonas. Segundo o biógrafo, Orlando seria o maior ídolo das massas que já existiu no Brasil: “Hoje a gente tem o Roberto Carlos, mas ele tem a TV, o marketing, tem tudo. O Orlando, não, ele entusiasmava as multidões apenas com a voz”.

Jonas, que foi amigo de Orlando, descreve o cantor como uma pessoa simples: “Quando ele gostava de você, ele era todo aberto. Muito brincalhão, não no sentido de ridicularizar, mas de se aproximar das pessoas. Pixinguinha, para ele, era ‘Pixinga’”. “Pixinga” assina “Carinhoso”, uma das canções apresentadas neste programa, em parceria com João de Barro.
No Especial de hoje você também ouve músicas como “Lábios que Beijei”, “A Jardineira” e “Aos Pés da Cruz”.

Produção: Renato Cordeiro e Julli Rodrigues

O Especial das Seis vai ao ar pela 107.5 Educadora FM às 18h e também pode ser ouvido online no portal: educadora.ba.gov.br.